Muitas vezes quando um tutor compra uma fêmea filhote, ele se apaixona e aí na consulta pediátrica eu escuto:” Doutora, eu quero muito tirar uma cria dela, quero ficar com um filhotinho para mim.”

Então inicia-se uma série de explicações da minha parte, que para uma cadela gestar e parir filhotes, ela passa por muitas fases, e que cada fase pode ter algumas complicações, muitas vezes não esperadas pelo tutor e que podem se tornar dispendiosas. Aquela alegria que antes era esperada, acaba virando uma frustração.

Então a pergunta que eu sempre faço é: O quanto você está disposto a se dedicar e investir no bem-estar de sua fêmea gestante? Pensou, se informou de tudo que será necessário e de todos os riscos? E os filhotes, vais cuidar, vais doar?

Cuidados

Hoje falaremos sobre um dos problemas que pode acontecer com a fêmea, na fase final de gestação ou logo no início da amamentação: a eclâmpsia. Esse nome deve ser evitado usar na Medicina Veterinária, pois pode ser confundido com a eclampsia em humanos que têm outros sintomas clínicos totalmente diferentes que em cadelas. Por isso vamos chamar de tetania puerperal. Quando a cadela apresenta a tetania, ela tem uma mudança de comportamento, inicialmente fica inquieta, baba muito, tem tremores musculares, fica muito prostrada e pode apresentar febre. A causa disto tudo é devido aos baixos níveis de cálcio materno que foi direcionado para o desenvolvimento esquelético dos fetos, e para o leite, durante a amamentação.

Prevenção

E ao contrário do que muita gente pensa é contraindicado mudar a ração da fêmea por conta, sem a orientação adequada, pois dietas com muita quantidade de cálcio podem reduzir a absorção deste mineral e fazer com que o corpo não libere o hormônio responsável por regular o metabolismo do cálcio.

O melhor que você poderá fazer, quando sua fêmea estiver gestante e lactante é procurar um Médico veterinário de sua confiança para fazer o acompanhamento necessário e adequado, garantindo sempre o bem estar do seu animal de estimação.

Camila Willemann
Médica Veterinária
CRMV-SC 4255

Compartilhe nas redes sociais @tiochico.vet

O que você achou desse artigo? Comente abaixo.

Deixe seu comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.